quarta-feira, 28 de junho de 2017

Michta-Coffey e Corvera sagram-se campeões dos E. U. América de 20 km

Michta-Coffey e Corvera triunfantes em Sacramento.
Fotos: Oiselle e USATF. Montagem: O Marchador
Os 20 km masculinos e femininos do programa dos Campeonatos de Atletismo dos Estados Unidos da América, realizados em Sacramento, Califórnia (as provas iniciaram-se às 6.45 e 6.46 horas do dia 25 de Junho) apuraram Maria Michta-Coffey e Emmanuel Corvera como campeões nacionais, se bem que proporcionando aos atletas diferentes cenários na conquista dos títulos.

Na prova feminina, Maria Michta-Coffey, do Oiselle/Walk USA, com 1.33.19,61, teve uma fácil vitória e apenas em fase inicial da prova teve a companhia de Miranda Melville (Skechers Performance), a segunda classificada com 1.36.59,09. Michta referiu ter-se sentido muito bem e em franca recuperação, depois de algum atraso na preparação após o acidente de viação que sofreu. Ambas as atletas têm já garantida a participação no mundial de Londres. Robyn Stevens (Skechers Performance) foi a terceira classificada, com 1.38.34,54, buscando ainda uma oportunidade de presença nos mundiais.

Na prova masculina, a chegada ficou ordenada com Emmanuel Corvera (New York A C, 1.26.43,04), Nick Christie (San Diego P V, 1.26.49,17), e John Nunn (U.S. Army, 1.27.06,82), mas a proximidade das marcas evidenciam grande duelo, em particular entre Corvera e Christie, companheiros de treino. Corvera conquistou o seu primeiro título nos campeonatos com um recorde pessoal, melhorando a marca que obtivera nos Pan-americanos no Peru em Maio passado (1.26.58). Christie, em dia difícil, teve de se contentar com o segundo lugar depois de vários problemas físicos que o fizeram parar cerca de 30 segundos a meio da prova e ainda afetaram a sua última volta. Nunn, campeão nacional de 50 km em Fevereiro deste ano, apenas depois dos 10 km de prova começou a sentir bem e a reagir, confessando ter tido uma difícil semana e meia que antecedeu os campeonatos na preparação do seu futuro profissional (frequentará uma escola militar).

Classificações
20 km femininos
1.ª, Maria Michta-Coffey (Oiselle/Walk USA), 1.33.19,61
2.ª, Miranda Melville (Skechers Per), 1.36.59,09
3.ª, Robyn Stevens (Skechers Per), 1.38.34,54
4.ª, Katie Burnett (Individual), 1.38.39,60
5.ª, Erin Taylor-Talcott (Shore A C), 1.42.48,24
6.ª, Molly Josephs (Walk USA), 1.43.10,87
7.ª, Melissa Moeller (Individual), 1.45.02,62
8.ª, Anali Cisneros (Judson College), 1.46.51,80
9.ª, Amberly Melendez (Individual), 1.48.13,40
10.ª, Katie Smith (Pegasus A.C.), 1.57.35,46
Desistente: Teresa Vaill (Pegasus A.C.).
Desclassificadas: Chelsea Conway (Shore A C) e Stephanie Casey (Individual).

20 km masculinos
1.º, Emmanuel Corvera (New York A C), 1.26.43,04
2.º, Nick Christie (San Diego P V), 1.26.49,17
3.º, John Nunn (U.S. Army), 1.27.06,82
4.º, Matthew Forgues (Individual), 1.32.30,27
5.º, Alexander Bellavance (Individual), 1.32.39,35
6.º, Anthony Joseph Gruttadauro (Shore A C), 1.34.07,55
7.º, Anthony Peters (St. Ambrose), 1.35.01,82
8.º, Matthew De Witt (Parkside A C), 1.38.42,03
9.º, Joel Pfahler (Individual), 1.41.41,33
10.º, Ian Whatley (Warriors T C), 1.50.06,48
Desistente: Dave Talcott (Shore A C).
Desclassificado: John Cody Risch (Q Elite).

terça-feira, 27 de junho de 2017

Campeonatos do Brasil de Atletismo sub-18 (resultados)

Murilo Coutinho Ribeiro da Silva e Laryssa Fernanda Frois.
Fotos: Wagner Carmo/CBAt
Montagem: O Marchador
A cidade de Bragança Paulista, na região de Campinas (São Paulo), recebeu a oitava edição dos Campeonatos Brasileiros Caixa de Atletismo para atletas sub-18, com as provas a decorrerem de sexta-feira a domingo (23 a 25 de Junho) na pista do CNDA - Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo, evento que contou com mais de 700 participantes em representação de 114 clubes

Os 5.000 metros marcha femininos (11 participantes) no programa de abertura da jornada de sábado, às 8 horas, com 16 graus Celsius de temperatura e 82% de humidade, tiveram como campeã Laryssa Fernanda Frois, do Curitiba SMELJ, com 25.53,98 (4.56,5, 5.07,4, 5.13,3, 5.16,0 e 5.20,8 por cada 1.000 metros) marca que passa a constituir um novo recorde dos campeonatos (anterior: 26.54,39 de Milena Francisca de Souza – São Paulo-2014). Seguiram-lhe na classificação, e a completar o pódio, as atletas do CASO, Amelia Fortunato de Lemos, com 26.46,05, também melhor que o anterior recorde dos campeonatos, e Gabriela de Sousa Muniz, com 26.54,86.

Os 10.000 metros marcha masculinos (13 participantes) proporcionaram mais um recorde dos campeonatos, Murilo Coutinho Ribeiro da Silva, do P M Colombo, a obter 46.03,35 (recorde pessoal) superando a anterior marca de 46.26,80 do seu colega de clube Paulo Cesar Bestel Blum em São Bernardo do Campo-2016. Murilo, treinado por Sidmar Andrighetto, tinha a intenção de realizar os mínimos de participação para o mundial de Nairobi, no Quénia, em Julho próximo, e apesar de ter iniciado a prova em 4.27,0 nos primeiros 1.000 metros, a passagem aos 5.000 metros em 22.43,2 e a segunda metade em 23.20,1 não tornaram possível tal objetivo. Manoel Adames de Paula (FECAM, 49.26,63) e Kauan da Silva Domingues (MEM, 49.58,61, rec. pessoal) obtiveram a segunda e terceira posições.

Classificações
5.000 m femininos (24/6)
1.ª, Laryssa Fernanda Frois, 2000 (Curitiba SMELJ), 25.53,98
2.ª, Amelia Fortunato de Lemos, 2001 (CASO), 26.46,05
3.ª, Gabriela de Sousa Muniz, 2002 (CASO), 26.54,86
4.ª, Elica de Oliveira Costa, 2000 (ORCAMPI UNIMED), 27.02,82
5.ª, Ana Beatriz Costa Buchinski, 2001 (Curitiba SMELJ), 28.30,25
6.ª, Joyce Vieira Pereira, 2000 (ORCAMPI UNIMED), 29.19,91
7.ª, Bruna Steffany Vieira, 2001 (Corville), 29.34,88
8.ª, Brunna Carlos Silva, 2000 (IMST - Centro de Excelencia SP), 30.08,77
9.ª, Ana Carolina Martins, 2000 (GR BARUERI), 31.13,95
Desistentes: Tatiana de Morais Pereira, 2000 (ABDA ATLETISMO) e Marcele Peniche de Oliveira Pereira, 2001 (ASPMP).

10.000 m masculinos (25/6)
1.º, Murilo Coutinho Ribeiro da Silva, 2000 (P M Colombo), 46.03,35
2.º, Manoel Adames de Paula, 2000 (FECAM), 49.26,63
3.º, Kauan da Silva Domingues, 2001 (MEM), 49.58,61
4.º, Paulo Henrique Ribeiro, 2001 (P M Colombo), 50.56,51
5.º, Romario Jeronimo dos Santos, 2000 (CASO), 51.38,66
6.º, Andreus Nogueira, 2000 (LUASA), 51.47,74
7.º, Elizeu Camargo Brum, 2001 (ACA), 54.51,31
8.º, Maikon Francisco de Souza, 2001 (GR BARUERI), 54.59,11
9.º, Bruno Lorenzett Nascimento, 2002 (AABLU), 55.14,39
10.º, Pedro Lucas de Souza Silva, 2000 (CASO), 55.18,56
Desclassificados: Dereck Donald Burbela de Oliveira, 2001 (Curitiba SMELJ), Mateus Andrade de Souza, 2000 (GR BARUERI) e Ryenn Matheus Santana Pereira, 2000 (CAC).

Bridge e Bosworth triunfam nos 20 km de Leeds

A partida, o pódio feminino, com Barber, Bridge e Davies, e a
liderança masculina com Wilkinson e Bosworth.
Fotos: Cris Maddocks. Montagem: O Marchador
Gemma Bridge e Tom Bosworth estiveram em evidência no passado domingo (25 de Junho) em Woodhouse Moor, Hyde Park, Leeds, ao vencerem os 20 km do «British Grand Prix» e sagrarem-se campeões britânicos da distância, evento que igualmente serviu de apuramento com vista aos mundiais de Londres em Agosto próximo.

Nos femininos, Bridge, em representação do Oxford City AC, obteve 1.32.33, marca que melhora significativamente o seu recorde pessoal de 1.34.24 quando da Taça da Europa de Marcha deste ano em Podebrady (21 de Maio) e que se posiciona no segundo lugar da lista britânica de sempre. Melhor só Johanna Jackson-Atkinson, com 1.30.41 (La Corunha-2010). Cinco segundos depois de Bridge cortava a meta a neozelandesa Alana Barber, com 1.32.38, muito próxima do recorde pessoal e nacional que lhe pertence (1.32.23). Na terceira posição e em plano de destaque ficou Bethan Davies (Cardiff AAC), com 1.33.04, recorde pessoal (antes, 1.35.47 – Adelaide, Fev-2017) e de Gales, e terceira na lista nacional de todos os tempos. O pódio dos campeonatos nacionais ficou preenchido com Erika Kelly (Northern (Isle of Man) AC), quarta da geral com 1.41.27, recorde pessoal.

Nos masculinos, Bosworth, credenciado marchador do Tonbridge AC, com 1.24.58, repetiu o título da época passada, agora por 1 segundo e à frente do sub-23 Callum Wilkinson (Enfield and Haringey AC, 1.24.59), com o grego Zacharías Tsamoudakis (Grécia), também sub-23, com 1.25.31, a ser terceiro da geral e a estabelecer a sua marca na distância. Dominic King, do Colchester Harriers AC, quarto classificado na prova e terceiro do pódio britânico, já selecionado para os 50 km de Londres, continua a surpreender voltando a melhorar a sua marca nos 20 km, com 1.26.08 (antes, 1.27.20, La Corunha, Jun-2017). Uma referência para o veterano português do Thames Valley Harriers, Francisco Reis, que se redimiu da desistência no ano passado, classificando-se em oitavo lugar da geral, com 1.44.33.

Nas provas de 10 km, de notar as vitórias do norueguês Fredrik Vaeng Rotnes, com 43.57, e da letã Agnese Pastare, com 48.53.

Classificações
20 km masculinos
1.º, Thomas Bosworth (Tonbridge AC), 1.24.58
2.º, Callum Wilkinson, sub-23 (Enfield and Haringey AC), 1.24.59
3.º, Zacharias Tsamoudakis (Grécia), 1.25.31
4.º, Dominic King (Colchester Harriers AC), 1.26.08
5.º, Cian MacManamon (Irlanda), 1.29.10
6.º, Jerome Caprice (Ilhas Maurícias), 1.34.38
7.º, Damian Blocki (Polónia), 1.34.39
8.º, Francisco Reis (Thames Valley Harriers), 1.44.33
9.º, Andrew Miller (Wolverhampton & Bilston AC), 1.46.16
10.º, Adrian Edwards (Lancashire Walking Club), 1.59.45
11.º, John Constandinou (Birchfield Harriers, Cyprus), 2.05.30
Desclassificados: Sean Pender, M60 (Enfield and Haringey AC), Daniel King, M60 (Colchester Harriers AC), John Ralph, M60 (Enfield and Haringey AC), Anthony Bell, M60 (Lancashire Walking Club), Jonathan Hobbs (Ashford AC) e Guy Thomas (Tonbridge AC).

20 km femininos
1.ª, Gemma Bridge (Oxford City AC), 1.32.33
2.ª, Alana Barber (Nova Zelândia), 1.32.38
3.ª, Bethan Davies (Cardiff AAC), 1.33.04
4.ª, Erika Kelly (Northern (Isle of Man) AC), 1.41.27
5.ª, Heather Lewis (Pembrokeshire Harriers), 1.42.29
6.ª, Veronica Burke, sub-23 (Irlanda), 1.46.04
7.ª, Natalie Fourie (África do Sil), 1.46.25
8.ª, Hannah Hunter (Manx Harriers), 1.47.29
Desistentes: Natalie Myers (Sheffield), Andrea Kovács (Hungria) e Anett Torma (Hungria).

10 km masculinos
1.º, Fredrik Vaeng Rotnes, sub-23 (Noruega), 43.57
2.º, Tom Partington, sub-20 (Manx Harriers), 45.10
Desistente: Chris Snook, sub-20 (Aldershot).                                                 

10 km femininos
1.ª, Agnese Pastare (Letónia), 48.53
2.ª, Kate Veale (Irlanda), 51.23
3.ª, Ana Garcia, sub-17 (City Of Sheffield AC), 51.53
4.ª, Emma Prendiville (Irlanda), 52.07
Desistente: Agata Kowalska, sub-20 (Polónia).

5 km masculinos
1.º, Benjamin Allen, sub-17 (Leicester Walking Club), 26.54

5 km femininos
1.ª, Ester Montaner (Hyde Park Harriers, Espanha), 25.51
2.ª, Laura Achurch, sub-17 (Leicester Walking Club), 30.47
3.ª, Emma Achurch, sub-23 (Leicester Walking Club), 30.58

3 km masculinos
1.º, Morgan Price, sub-23 (Hyde Park Harriers), 17.58

3 km femininos
1.ª, Pagen Spooner, sub-17 (Hyde Park Harriers), 18.00
2.ª, Eilidh Brailey, sub-23 (Hyde Park Harriers), 18.08

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Campeonatos de Espanha de sub-18 em pista (resultados)

Mariona García e o pódio masculino: Eloy Hornero, Daniel Jimeno
e Roberto Vieiro. Fotos: fb Jose Luis Martinez Ortiz (arq.) e
Carlos Morales Velasco. Montagem: O Marchador
A localidade madrilena de Getafe recebeu este fim-de-semana (24-25/6) no remodelado Complexo Desportivo Municipal «Juan de la Cierva» a 66.ª edição dos Campeonatos de Espanha de sub-18, com quase meia centena de marchadores a participar nos 5.000 metros femininos e 10.000 metros masculinos, provas com mínimos de acesso de 27.15,00 e 54.00,00 (ou 25.30,00 nos 5.000 metros) respetivamente.

No sábado (24/6, 10h20), a atleta do FC Barcelona Mariona García Rovira venceu de forma folgada a sua prova com a marca de 24.35,38, ela que detém um recorde pessoal de 23.52,69. Já a disputa pelo segundo lugar foi muito apertada, com 45 centésimos de segundo a separarem Alicia Sánchez Guilarte (Atletismo Alcorcon, 25.12,43) e Mireia Urrutia Herrera (CA Canaletes, 25.12,88), ambas com recordes pessoais. Participaram 19 atletas.

No domingo (25/6, 10h15), foi a vez dos rapazes, com a vitória a pertencer a Daniel Jimeno Rivera, do Simply-Scorpio 71, com 45.35,23, ele que integrou a seleção espanhola de sub-20 na recente Taça da Europa de Marcha de Podebrady. A segunda posição, ainda dentro dos 45 minutos de prova, coube a Eloy Hornero Gallent, Playas de Castellon, com 45.50,87, recorde pessoal. Alcançando um lugar no ambicionado pódio, entrou o galego Roberto Vieiro Perez (CA Santiago, 47.47,38). Participaram 28 atletas.

Classificações
5.000 m femininos (24/6)
1.ª, Mariona Garcia Rovira, 2000 (FC Barcelona), 24.35,38
2.ª, Alicia Sanchez Guilarte, 2000 (Atletismo Alcorcon), 25.12,43
3.ª, Mireia Urrutia Herrera, 2000 (CA Canaletes), 25.12,88
4.ª, Iria Rivas Iglesias, 2001 (Atletismo Cuntis), 25.36,42
5.ª, Laura Sanabria Sanchez, 2000 (At Almendralejo), 25.52,53
6.ª, Maria Teresa Morata Moreno, 2001 (Atletismo Cordobes), 25.54,00
7.ª, Gemma Mora Martinez, 2000 (CA Sant Just), 26.12,62
8.ª, Jennifer Raya Sanchez, 2000 (Unicaja Atletismo), 26.18,08
9.ª, Celia Carracedo Perez, 2001 (Atletica Barbanza), 26.32,92
10.ª, Angels Massana Banquells, 2000 (Muntanyenc S.Cugat), 26.51,28
11.ª, Adriana Leyva Liñan, 2001 (Bahia Algeciras), 27.00,04
12.ª, Sandra Millan Romeo, 2001 (Simply-Scorpio 71), 27.08,73
13.ª, Estela Carral Berbil, 2001 (Cayon-Helios DICA), 27.14,72
14.ª, Ainhoa Martinez Luceño, 2001 (UA Terrassa), 27.23,73
15.ª, Sofía Rodriguez Hernandez, 2001 (Atletismo Guadix), 27.26,98
16.ª, Ana Guaita Guaita, 2001 (Valencia Esports), 27.42,82 pl
17.ª, Blanca Mico Lambies, 2001 (Valencia Esports), 27.54,45 pl
18.ª, Maria Isabel Torres Ribas, 2001 (Atme. Sa Raval), 29.59,61
Desistente: Virginia Martin Abarquero, 2000 (Puentecillas Palencia).

10.000 m masculinos (25/6)
1.º, Daniel Jimeno Rivera, 2000 (Simply-Scorpio 71), 45.35,23
2.º, Eloy Hornero Gallent, 2000 (Playas de Castellon), 45.50,87
3.º, Roberto Vieiro Perez, 2001 (CA Santiago), 47.47,38
4.º, Alvaro Calderon Tornero, 2000 (Valencia Esports), 48.15,50
5.º, Francisco Sospedra Escat, 2001 (Atletisme Els Sitges), 48.30,76
6.º, Aythamy Afonso Gonzalez, 2001 (Atletismo Arona), 48.33,45
7.º, Ferran Campins Pitart, 2000 (UA Terrassa), 49.16,82
8.º, Rodrigo Gil De Francisco, 2001 (CAP Alcobendas), 49.38,64
9.º, Liberto Lopez Marco, 2000 (CA Murcia Tovarsport), 49.47,85
10.º, Joan Galmés Llull, 2000 (Atletisme Manacor), 49.59,36
11.º, Javier Garcia Requena, 2000 (Cueva de Nerja-UMA), 50.15,88
12.º, Alex Novas Barral, 2001 (Club Atletismo Naron), 50.56,46
13.º, Elio Buelta Otero, 2001 (Atletica Barbanza), 51.00,40
14.º, Sergi Torner Cabot, 2000 (ISS - L'Hospitalet), 51.08,36 pl
15.º, Antonio Leal Membrive, 2000 (CA Canovelles), 51.14,02
16.º, Yeray Gonzalez Luis, 2000 (Clator Orotava), 51.28,76
17.º, Alvaro Guzman Rincon, 2001 (CA Calatrava), 51.45,71
18.º, Martin Rodriguez Pazos, 2001 (Carbonero Castro), 52.42,85
19.º, Marcos Mencia Menendez, 2001 (At. Gijones Fumeru), 52.46,00
20.º, Ignacio Villegas De Miquel, 2001 (Suanzes San Blas), 52.57,90
21.º, Victor Garcia Frances, 2001 (Valencia Esports), 53.38,36
Desistentes: Adrian Antonio Fernandez, 2000 (Atletismo Cuntis), Guillermo Santidrian Solana, 2001 (Image FDR), Ivan Merino Martinez, 2001 (Valencia Esports), Jose Manuel Naranjo Murillo, 2001 (At Almendralejo) e Mario Bassas Garrity, 2001 (CE Universitari).
Desclassificados: Jose Mestre Martin, 2001 (Suanzes San Blas) e Pedro Conesa Ceron, 2001 (Nutriban Atl Alcantarilla).

Paola Pérez e Mauricio Arteaga vencem Sul-americanos no Paraguai

Mauricio Arteaga (245), Jhon Castaneda (197), Paola Pérez (265)
e Ángela Castro (067) em Luque, no Paraguai.
Fotos: Deporte Ecuador e FEDENADOR
Montagem: O Marchador
Os equatorianos Paola Pérez e Mauricio Arteaga conquistaram as medalhas de ouro nos 20.000 metros marcha da 50.ª edição dos Campeonatos Sul-americanos de Atletismo que se disputaram de 23 a 25 de Junho na cidade de Luque, no Paraguai, com interessantes despiques entre os principais competidores nas 50 voltas percorridas na pista do Estádio Atlético do Comité Olímpico Paraguaio.

Nos femininos, dia 24/6, a vitoriosa Paola Pérez registou 1.32.26.00, impondo-se por 9 segundos à boliviana Ángela Castro, com 1.32.35,20, tendo outra equatoriana, Johanna Ordonez, com 1.38.13.30, ocupado o terceiro lugar do pódio. Foram 7 as participantes.

Nos masculinos, Jose Mauricio Arteaga, com 1.24.40,00, cortou a meta com 24 segundos sobre o seu principal opositor, o colombiano Jhon Castaneda, segundo classificado, com 1.25.04.50. Ainda na casa da 1 hora 25 minutos terminou na terceira posição o peruano César Rodríguez, com 1.25.58.30. O número de participantes foi mais significativo, com 11 atletas a alinharem à partida.

Classificações
20.000 m femininos (24/6)
1.ª, Paola Bibiana Perez Saquipay, 1989 (Equador), 1.32.26.00
2.ª, Angela Melania Castro Chirivechz, 1993 (Bolívia), 1.32.35.20
3.ª, Johanna Edelmira Ordonez Lucero, 1987 (Equador), 1.38.13.30
4.ª, Odeth Roselen Huanca Rasguido, 1997 (Bolívia), 1.41.27.00
5.ª, Milangela Rosales, 1987 (Venezuela), 1.43.34.30
Desclassificadas: Arabelly Orjuela Sanchez, 1988 (Colômbia) e Yossy Caballero, 1993 (Peru).

20.000 m masculinos (25/6)
1.º, Jose Mauricio Arteaga Sanchez, 1988 (Equador), 1.24.40.00
2.º, Jhon Alexander Castaneda Angulo, 1992 (Colômbia), 1.25.04.50
3.º, Cesar Rodriguez, 1997 (Peru), 1.25.58.30
4.º, Juan Manuel Cano, 1987 (Argentina), 1.26.45.10
5.º, Marco Antonio Rodriguez Pardo, 1994 (Bolívia), 1.27.53.90
6.º, Yassir Ameth Cabrera Lopez, 1988 (Panamá), 1.31.10.20
Desclassificados: Oscar Joel Villavicencio Marelo, 1993 (Equador), Moacir Zimmermann, 1983 (Brasil) e Luis Campos, 1995 (Peru).
Desistentes: Richard Vargas Carrillo, 1994 (Venezuela) e Pablo Armando Rodriguez Pardo, 1997 (Bolívia).

domingo, 25 de junho de 2017

Joana Pontes e Rúben Santos vencem nacionais de sub-18 em pista

Rúben Santos (CFOD) e Joana Pontes (GACV).
Fotos de arquivo no facebook dos próprios
Montagem: O Marchador
Joana Pontes, do Grupo de Amigos Casais do Vento (Leiria), com 25.40,73, e Rúben Santos, do Clube de Futebol de Oliveira do Douro (Porto), com 22.58,31, sagraram-se campeões nacionais de sub-18 (juvenis) nos 5.000 metros marcha, cujas provas tiveram lugar na primeira jornada dos campeonatos da categoria disputados na pista de Abrantes (24/6).

Ambos os atletas repetiram as vitórias obtidas em representação das suas associações distritais quando do recente Torneio Nacional Olímpico Jovem realizado em Braga (3-4/6).

Os pódios das provas ficaram completos, nos femininos, com Catarina Santos, do Sporting Clube de Portugal (25.42,75) e Ângela Carvalho, do Clube Natação de Rio Maior (26.34,92), esta a ser a primeira a cortar a meta mas a ser penalizada em 1 minuto na marca final por força da regra do «pit lane», e nos masculinos, com João Bernardo, Penta Clube da Covilhã, (23.11,96) e Diogo E. Fernandes, do Associação Cultural e Desportiva Jardim da Serra (25.07,22).

A participação feminina (20 atletas) duplicou a masculina (10).

Classificações
5.000 m masculinos
1.º, Rúben Santos, 2000 (CFOD), 22.58,31
2.º, João Bernardo, 2001 (PCC), 23.11,96
3.º, Diogo E. Fernandes, 2001 (AJS), 25.07,22
4.º, João Pinel, 2001 (CABB), 26.05,48
5.º, Tiago Ramos, 2003 (CATUNES), 27.14,54
6.º, Rúben Caldeira, 2000 (ADRAP), 27.29,30
7.º, Guilherme Alves, 2003 (CATUNES), 27.38,26
8.º, Pedro Feliciano, 2001 (CNRM), 27.42,17
9.º, Pedro Dias, 2003 (COP), 28.18,90
10.º, João Marques, 2002 (ACDSJS), 29.25,70 p.l.

5.000 m femininos
1.ª, Joana Pontes, 2000 (GACV), 25.40,73
2.ª, Catarina Santos, 2001 (SCP), 25.42,75
3.ª, Ângela Carvalho, 2000 (CNRM), 26.34,92 p.l. 60seg.
4.ª, Mariana Lopes, 2002 (IND-P), 26.53,79
5.ª, Juliana Veríssimo, 2002 (CAT), 27.29,79
6.ª, Sofia Marques, 2002 (COP), 27.31,99
7.ª, Hirondina Casal, 2001 (CNRM), 27.35,20
8.ª, Joana Matos, 2000 (NSLF), 28.01,25
9.ª, Raquel Pimentel, 2001 (IND-P), 28.14,59
10.ª, Ana Vicente, 2001 (COP), 28.15,43
11.ª, Andreia Carvalho, 2003 (GACV), 28.29,53
12.ª, Inês Mendes, 2003 (CNRM), 28.31,81
13.ª, Ana Catarina Mestre, 2002 (COP), 28.35,17
14.ª, Catarina Santos, 2000 (ACDC), 28.38,14
14.ª, Bruna Marques, 2002 (CFOD), 28.38,14
16.ª, Tatiana Cabecinha, 2001 (COP), 29.05,71
17.ª, Érica Cabecinha, 2002 (COP), 29.17,65
18.ª, Filipa Diamantino, 2002 (ACDSJS), 29.34,99
19.ª, Marta Freitas, 2003 (ACDSJS), 30.40,00
20.ª, Ana Santos, 2000 (GDM-P), 30.49,47

A marcha no meeting de atletismo «Anhalt 2017»

A formação do SC Potsdam participante na marcha do meeting,
com os vencedores (à esq.) Nils Brembach e Teresa Zurek.
Fotos: SC Potsdam. Montagem: O Marchador
A edição deste ano do meeting de atletismo de pista «Anhalt 2017» em Dessau-Roßlau, na Alemanha (16 de Junho), contou no programa com uma prova mista de marcha sobre 3.000 metros, com resultados muito apreciáveis e as vitórias a pertenceram aos atletas do S.C. Potsdam, Nils Brembach e Teresa Zurek.

Brembach, com 11.12,45, ficou próximo da melhor marca alemã na distância, 11.07,2 de Mike Trautmann (1999). Os lugares imediatos foram para os sub-23 da formação do Erfurter LAC, Karl Junghanss, com 11.26,42, e Jonathan Hilbert, 11.32,17. Ainda na casa dos 11 minutos, Hagen Pohle foi o 4.º classificado (11.35,88).

Zurek, ainda da categoria de sub-20, obteve o excelente registo de 12.32,07, sendo acompanhada no pódio pela sua colega de clube, Saskia Feige, com 13.01,82, e Emilia Lehmeyer, do Polizei SV Berlin, com 13.27,61, ambas sub-23.

Dos 15 participantes, 8 representaram o S.C. Potsdam.

Classificações (prova mista)
3.000 m masculinos
1.º, Nils Brembach, 1993 (SC Potsdam), 11.12,45
2.º, Karl Junghanss, 1996 (Erfurter LAC), 11.26,42 - sub-23
3.º, Jonathan Hilbert, 1995 (Erfurter LAC), 11.32,17 - sub-23
4.º, Hagen Pohle, 1992 (SC Potsdam), 11.35,88
5.º, Niklas Richter, 1999 (SC Potsdam), 12.24,62 - sub-20
6.º, Johannes Frenzl, 2001 (Hallesche Leichtathl.-Freunde), 12.37,01 - sub-18
7.º, Jakob Johannes Schmidt, 2001 (SC Potsdam), 12.50,98 - sub-18
8.º, Steffen Borsch, 1973 (SV Halle e.V.), 12.54,64 - M40
9.º, Otto Junghannss, 2000 (Erfurter LAC), 13.56,03 - sub-18

3.000 m femininos
1.ª, Teresa Zurek, 1998 (SC Potsdam), 12.32,07 - sub-20
2.ª, Saskia Feige, 1997 (SC Potsdam), 13.01,82 - sub-23
3.ª, Emilia Lehmeyer, 1997 (Polizei SV Berlin), 13.27,61 - sub-23
4.ª, Julia Richter, 1999 (SC Potsdam), 13.38,79 - sub-20
5.ª, Josephine Alisa Grandi, 2000 (SC Potsdam), 14.39,69 - sub-18
6.ª, Henriette Wolf, 2001 (ASV 1902 Sangerhausen), 18.02,50 - sub-18

sábado, 24 de junho de 2017

Abrantes volta a receber os Nacionais de sub-18 (pista)

Foto: AA Braga. Montagem: O Marchador
Pela 6.ª vez a cidade de Abrantes será palco dos Campeonatos Nacionais de Atletismo sub-18 (juvenis) este fim-de-semana, depois de aí se terem realizado as edições de 2003, 2007, 2008, 2012 e 2014.

São 30 os atletas inscritos nas provas de 5.000 metros marcha (10 masculinos e 20 femininos) que se realizam no final da primeira jornada (24 Junho, 19.35 horas), em pistas separadas (masculinos, 1 a 4; femininos, 5 a 8).

De entre os inscritos, quase 50% pertencem à categoria de sub-16 (iniciados), o que não será de estranhar pelos acessíveis mínimos de acesso aos campeonatos, fixados em 29.00,00 para os masculinos e 30.00,00 para os femininos.

Os recordes nacionais da categoria pertencem a Susana Feitor (CN Rio Maior), com 21.30,91 (Schwechat-Viena-1992), e a Joaquim Pentieiro (CIPA), com 21.16,88 (Lisboa-N-1991).

A lista de inscritos pode ser consultada aqui.

sexta-feira, 23 de junho de 2017

Portugal pode atingir o pódio nos 20 km femininos de Olhão-2011

Cabecinha, Henriques e Feitor em Olhão-2011.
Foto: Mario Rolla. Montagem: O Marchador
No seguimento da recente suspensão por dopagem da ucraniana Olena Shumkina, e a confirmar-se a anulação dos resultados da atleta desde Maio de 2011, a equipa portuguesa de 20 km femininos que participou na Taça da Europa de Marcha há 6 anos em Olhão, em 2011, poderá atingir o 3.º lugar do pódio do evento, depois de se ter classificado em 4.º lugar, com 35 pontos, atrás da Ucrânia, então 3.ª classificada, com 31 pontos, com Shumkina na 19.ª posição.

Recorde-se que em 2011 a equipa portuguesa era composta por Susana Feitor (9.ª), Inês Henriques (12.ª), Ana Cabecinha (14.ª) e Vera Santos (desistiu), tendo constituído uma grande desilusão a não subida ao pódio em território nacional e particularmente em Olhão.

Note-se ainda que a possibilidade de alteração da classificação coletiva (e individual) da prova feminina de 20 km não será a primeira a verificar-se pois, já em Março desde ano, a Real Federação Espanhola de Atletismo anunciou a conquista do primeiro lugar pela Espanha no evento em Olhão, face à desclassificação por dopagem da russa Anna Lukyanova (11.ª na prova), passando a Rússia a ser segunda classificada (distando agora apenas 1 ponto do 1.º lugar).

Numa revisão final, e a confirmar-se, ter-se-á a seguinte classificação coletiva:

20 km femininos
1.ª, Espanha, 22 pontos
2.ª, Rússia, 23
3.ª, Portugal, 35 (antes 4.ª)
4.ª, Itália, 47 (antes 5.ª)
5.ª, Ucrânia, 49 (antes 3.ª)
6.ª, República Checa, 81
7.ª, Polónia, 82
8.ª, Hungria, 116

Entretanto, no «site» oficial da Federação Portuguesa de Atletismo, e até ao momento, não foi publicada qualquer notícia sobre o assunto.

Mais um caso de dopagem: Olena Shumkina

Olena Shumkina nos mundiais de Pequim-2015. Foto: AFP
A marchadora Olena Shumkina, de 29 anos de idade, de nacionalidade ucraniana por matrimónio com o também marchador Oleksiy Kazanin, e nascida em Atyuryevo, na Republica da Mordóvia, Rússia, foi suspensa por três anos e meio por anomalias no passaporte biológico, a partir de 8 de Junho de 2016, segundo relatou a Associated Press em Kiev, Ucrânia, e confirmado pelo Comité Executivo da Federação de Atletismo da Ucrânia.

Shumkina viu serem-lhe anulados todos os resultados obtidos desde Maio de 2011, que incluem os Jogos Olímpicos de Londres-2012 (48.ª) e três campeonatos do mundo (11.ª em Daegu-2011; 19.ª em Moscovo-2013; 42.ª em Pequim-2015), entre outros.

Discípula de Viktor Chegin, foi uma atleta prodígio quando jovem e a representar a Rússia em eventos internacionais, tendo sido campeã da Europa de sub-23 (Kaunas-2009) e vice-campeã da Europa de sub-20 (Hengelo-2007).

1.25.32 é a sua melhor marca em 20 km, obtida em Adler a 28 de Fevereiro de 2009, tinha então 21 anos de idade.

Refira-se, por curiosidade, que em entrevista concedida em Janeiro deste ano por Kazanin, à pergunta se a sua esposa continuava a treinar, respondeu que «não» e justificou: «temos uma boa notícia: ela está grávida e preparamo-nos para ser pais este ano».

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Campeonatos universitários italianos em Catânia (resultados)

Pódio masculino, a vencedora (foto arq.) e restantes atletas em prova.
Fotos: Cus Foggia, Bruno Scaglione e Mariavittoria Becchetti
Montagem: O Marchador
Mariavittoria Becchetti e Gregorio Angelini, representando os Centros Desportivos Universitários de Foro Italico e Foggio respectivamente, sagraram-se campeões universitários de Itália de 5.000 metros marcha por ocasião dos campeonatos de atletismo em pista disputados nos dias 16 e 17 de Junho, em Catânia, na Sicília.

Becchetti, que no ano passado registou 1.34.01 nos 20 km de Podebrady, obteve 23.20,56, o suficiente para garantir o título universitário, à frente de Lisa Cani (24.57,87) e Martina Ansaldi (25.12,75).

Angelini, prestes a completar 21 anos de idade, com 20.22,88, bateu mais um recorde pessoal, depois de já ter conseguido o mesmo este ano nos 10.000 m (41.28,20), 20 km (1.27.37) e nos 50 km (4.08.22), este último quando em Janeiro venceu em Porto de Mós. Alberto Zaupa (22.55,34) e Vito Incantalupo (36.42,91) completaram o pódio dos campeonatos universitários.

Classificações
5.000 m femininos
1.ª, Mariavittoria Becchetti, 1994 (CUS Foro Italico), 23.20,56
2.ª, Lisa Cani, 1996 (CUS Modena), 24.57,87
3.ª, Martina Ansaldi, 1996 (CUS Torino), 25.12,75
4.ª, Cristiana Marchesi, 1997 (CUS Bergamo), 28.32,54
Desclassificada: Sascia Grafeo, 1992 (CUS Perugia).

5.000 m masculinos
1.º, Gregorio Angelini, 1996 (CUS Foggia), 20.22,88
2.º, Alberto Zaupa, 1995 (CUS Padova), 22.55,34
3.º, Vito Incantalupo, 1993 (CUS Foggia), 36.42,91

Dmitrenko e Mironchuk com títulos ucranianos de 20 km em Sumy

Valentina Mironchuk a ser entrevistada e a partida dos 20 km
masculinos, com o vencedor Ruslan Dmitrenko (dorsal 4).
Fotos: Oleksii Serdiuchenko
Montagem: O Marchador
No dia 17 de Junho, na principal avenida da cidade Sumy, os marchadores ucranianos disputaram as medalhas dos campeonatos nacionais e ainda as últimas vagas para os campeonatos mundiais em Londres e europeus de sub-23 em Bydgoszcz.

Logo pelas 8.30 horas deu-se a partida dos 20 km masculinos, com 18 participantes, com Ruslan Dmitrenko a sair vitorioso e obter a qualificação para os mundiais de Londres. Registou a marca de 1.22.35 e significativa vantagem de 3 minutos sobre o veteraníssimo Andrii Kovenko (43 anos), candidato à vitória mas que se quedou pelo segundo lugar, com 1.25.36. A fechar o pódio, Valeriy Litaniuk, com 1.26.12.

Dois minutos depois do início da prova masculina, foi a vez da partida feminina (20 km), que igualmente não contou com algumas das melhores atletas nacionais, nomeadamente Kashina e Borovska, já qualificadas para Londres depois de entrarem nas 10 primeiras na Taça da Europa de Marcha de Podebrady, em Maio passado. A vencedora acabaria por ser Valentina Mironchuk, com 1.35.22, também com marca para os mundiais. Alina Cviliy, com 1.37.13, e Tamara Gavriliuk, sub-23, com 1.37.28, ocuparam os segundo e terceiro lugares da prova, participada por 23 atletas, entre as quais duas bielorrussas, que desistiram.

A organização da competição mereceu elogios, com um circuito rápido (com medição oficial) e bem localizado e a actuação de três juízes internacionais provenientes da Hungria, Roménia e Croácia.

Em conjunto com os nacionais de 20 km, disputaram-se ainda os campeonatos abertos para jovens e veteranos, em homenagem ao duplo campeão olímpico Vladimir Golubnichy.

Resultados dos 20 km, aqui.

Colaboração: Kristina Saltanovic

quarta-feira, 21 de junho de 2017

Guadalupe González domina 20 km dos campeonatos mexicanos

A partida da prova feminina de 20 km, e a frente com Guadalupe
González e Guadalupe Sánchez «rumbo a Londres».
Fotos: INDE Nuevo León. Montagem: O Marchador
Maria Guadalupe González Romero, vice-campeã olímpica no Rio-2016, impôs a sua superioridade e venceu os 20 km marcha femininos do Campeonato Nacional de Atletismo do México, prova que abriu o evento no passado dia 16 (sexta-feira) disputado em Monterrey, cidade do Estado de Nuevo León.

Guadalupe González registou nos campeonatos a marca de 1.33.27, à frente da jovem promessa de 22 anos, Maria Guadalupe Sánchez (1.35.11) e ambas garantiram a participação no próximo mundial de atletismo de Londres, em Agosto próximo.

Ilse Guerrero, com 1.35.37, fechou o pódio de uma prova participada por 16 atletas.

Classificação
20 km femininos
1.ª, Maria Guadalupe Gonzalez R., 1989 (Estado de Mexico), 1.33.27
2.ª, Maria Guadalupe Sanchez M., 1995 (Nuevo Leon), 1.35.11
3.ª, Ilse A. Guerrero R., 1993 (Zacatecas), 1.35.37
4.ª, Andrea  Martinez R., 1988 (Ciudad de Mexico), 1.39.07
5.ª, Jamy A. Franco N., 1991 (Guatemala), 1.40.43 - extra
6.ª, Rebeca P. Enriquez P., 1997 (Estado de Mexico), 1.42.07
7.ª, Valeria  Ortuño M., 1998 (Ciudad de Mexico), 1.42.21
8.ª, Yanelli   Caballero, 1989 (Estado de Mexico), 1.43.36
9.ª, Lizbeth  Silva M., 1989 (Ciudad de Mexico), 1.45.22
10.ª, Mariela  Sanchez T., 1991 (Ciudad de Mexico), 1.47.12
11.ª, Gabriela  Gonzalez H., 1991 (Nuevo Leon), 1.49.24
12.ª, Nadia  Gonzalez M., 1997 (Estado de Mexico), 1.50.00
13.ª, Edna P. Quintanilla A., 1996 (Chihuahua), 2.00.05
Desistentes: Loira  Alvarez E., 1995 (Estado de Mexico), Sandra A. Nevarez P., 1993 (Chihuahua) e Erika J. Morales C., 1986 (Estado de Mexico).

Eder Sánchez vence campeonatos mexicanos de 20 km

Jesús Tadeo (3.º), Eder Sánchez (1.º) e Pedro Gómez (2.º).
Fotos: INDE Nuevo León. Montagem: O Marchador
Os 20 km marcha masculinos do Campeonato Nacional de Atletismo do México, que tiveram lugar no passado sábado (17), em Monterrey, constituíram a prova mais intensamente disputada do programa. 14 atletas haviam conseguido o mínimo para os mundiais de atletismo e apenas os três primeiros da competição assegurariam a viagem para Londres.

Iniciando e terminando a prova na pista do Centro de Alto Rendimento de Nuevo León, depois de percorridas as necessárias voltas num circuito em estrada, Eder Sánchez venceu com a marca de 1.22.28, seguido de Pedro Daniel Gómez, com 1.22.48, e de Jesús Tadeo Veja, com 1.23.13, os três assegurando o passaporte para Londres.

Dos 14 atletas que compõem o contingente mexicano para os mundiais, 8 são marchadores.

Classificação
20 km masculinos
1.º, Eder H. Sanchez T., 1986 (Estado de Mexico), 1.22.28
2.º, Pedro D. Gomez C., 1990 (Chihuahua), 1.22.48
3.º, Jesus T. Vega O., 1994 (Estado de Mexico), 1.23.13
4.º, Jose L. Doctor M., 1996 (Estado de Mexico), 1.24.19
5.º, Perseus P. Enrique Karlstrom, 1990 (Suécia), 1.24.42 - extra
6.º, Ever J. Palma O., 1992 (Michoacan), 1.24.45
7.º, Erwin G. Gonzalez C., 1994 (Ciudad de Mexico), 1.25.21
8.º, Julio C. Salazar E., 1993 (Chihuahua), 1.26.00
9.º, Armando  Merino P., 1989 (Ciudad de Mexico), 1.27.19
10.º, Carlos  Sanchez C., 1985 (Estado de Mexico), 1.28.30
11.º, David C. Berdeja V., 1981 (Estado de Mexico), 1.29.22
12.º, Luis R. Gonzalez A., 1995 (Chihuahua), 1.29.36
13.º, Omar  Zepeda de L., 1977 (Estado de Mexico), 1.30.34
14.º, Jorge A. Martinez B., 1990 (Tlaxcala), 1.30.45
15.º, Brandon B. Segura Z., 1996 (Estado de Mexico), 1.30.46
16.º, Virgilio  Galindo A., 1994 (Ciudad de Mexico), 1.32.02
17.º, Diego  Flores H., 1987 (Estado de Mexico), 1.32.06
18.º, Luis A. Bustamante F., 1985 (Ciudad de Mexico), 1.33.39
Desistentes: Ricardo  Ortiz R., 1995 (Nuevo Leon), Noe A. Chama A., 1997 (Estado de Mexico) e Isaac A. Palma O., 1990 (Michoacan).
Desclassificado: Eduardo D. Tinoco S., 1995 (Estado de Mexico).

terça-feira, 20 de junho de 2017

Campeonato de Espanha por Federações – Cidade Real (resultados)

Os marchadores melhor classificados na Cidade Real.
Fotos: Jesús Domínguez (CA San Ildefonso)
Montagem: O Marchador
A 42.ª edição do Campeonato de Espanha por Federações em pista realizou-se na Cidade Real, na comunidade autónoma de Castela-Mancha (17 de Junho), evento que globalmente foi dominado pela Catalunha, com 293 pontos, seguido da Galiza (271.5) e de Madrid (257).

Já individualmente e nas provas de marcha de 5.000 metros do programa, saíram vencedores os consagrados Álvaro Martín, representando a Extremadura, com 19.19,80, e Lidia Sánchez-Puebla, a envergar as cores de Madrid, com 21.41,89, ambos a atravessarem um excelente momento de forma.

Os segundo e terceiros classificados foram, nos masculinos, Diego García (Madrid, 19.35,59) e Marc Tur (Ihas Baleares, 19.52,04), e nos femininos, María Larios (Castela-Mancha, 22.12,03) e Ainhoa Pinedo (Andaluzia, 22.24,81).

Classificações
5.000 m masculinos
1.º, Alvaro Martin Uriol, 1994 (Extremadura), 19.19,80
2.º, Diego Garcia Carrera, 1996 (Madrid), 19.35,59
3.º, Marc Tur Pico, 1994 (Islas Baleares), 19.52,04
4.º, Manuel Bermudez Jimenez, 1997 (Murcia), 20.35,86
5.º, Daniel Chamosa Dacasa, 1997 (Galicia), 20.54,31
6.º, Francisco Arcilla Aller, 1984 (Castilla Y León), 21.00,10
7.º, Luis Manuel Corchete Martinez, 1984 (Comunidad Valenciana), 21.13,25
8.º, Kevin Cerro Gudiño, 1998 (Cataluña), 21.44,25
9.º, Jose Manuel Perez Rubio, 1999 (Andalucía), 21.52,07
10.º, Daniel Ballesteros Goñi, 1996 (Navarra), 21.59,53
11.º, Daniel Jimeno Rivera, 2000 (Aragón), 22.31,60
12.º, Victor Manuel Castro Mateo, 1980 (Castilla La Mancha), 22.51,43
13.º, Jorge Cubero Alarcon, 1990 (La Rioja), 26.26,79
14.º, Marcos Mencia Menendez, 2001 (Asturias), 27.12,33
15.º, (e) Julian Camilo Corzo Ochoa, 2001 (Cantabria), 27.51,59
Desistente: David Reyes Afonso, 1993 (Canarias).
Desclassificado: Iñigo De Juan Razkin, 1997 (País Vasco).

5.000 m femininos
1.ª, Lidia Sanchez-Puebla Fernandez, 1996 (Madrid), 21.41,89
2.ª, Maria Larios Lopez, 1992 (Castilla La Mancha), 22.12,03
3.ª, Ainhoa Pinedo Gonzalez, 1983 (Andalucía), 22.24,81
4.ª, Amanda Cano Gomez, 1994 (Murcia), 22.29,05
5.ª, Mar Juarez Gallardo, 1993 (Cataluña), 23.51,58
6.ª, Antia Chamosa Dacasa, 1999 (Galicia), 23.58,66
7.ª, Lluna Capdevila Marza, 1998 (Comunidad Valenciana), 24.05,91
8.ª, Virginia Martin Abarquero, 2000 (Castilla Y León), 25.17,44
9.ª, Angela Ruiz Teran, 1997 (Cantabria), 25.36,85
10.ª, Sandra Millan Romeo, 2001 (Aragón), 27.32,00
11.ª, Maria Fernandez Ratero, 1996 (Asturias), 28.10,95
12.ª, Maria Isabel Torres Ribas, 2001 (Islas Baleares), 28.43,47
13.ª, Paula Gonzalez Perez, 1998 (Canarias), 29.32,19
Desclassificadas: Angela Echeverria Gomez, 2000 (País Vasco) e Laura Sanabria Sanchez, 2000 (Extremadura).